quinta-feira, 12 de maio de 2011

INDUÇÃO NO ESTUDO DO INPA SOBRE FLORESTA AMAZONICA ! ! !

No estudo do INPA sobre a floresta Amazonica, com o titulo - Reabertura da BR 319 vai intensificar ameaça sobre a floresta Amazonica, percebe-se claramente que foi um estudo encomendado para inibir qualquer tentativa de conclusão da br 319. Manipulação internacional

Todo estudo que não tenha um proposito de conduzir opinião levanta todos os dados que possam produzir informações impacto ambiental partindo das condições existentes e quais os beneficios gerados para a população. Neste estudo so fala dos maleficios pelo menos na publicação.

 Para concluír a BR 319, não será provocado nenhum inpacto ambiental já que a rodovia há muito tempo  existe e nenhum desmatamento sera realizado. Ao longo da Rodovia existem posseiros explorando suas atividades diversas na agricultura, pecuaria e outras atividades  similares e nem por isto se percebe qualquer devastação do meio ambiente.

 As alegações de que a ocupação vai causar danos é infantil pois tal ocupação já existe. Esse Vinicius Machado que é aluno de Mestrado tem um potencial tão grande que sai na primeira a pagina de um jornal de grande circulação sua pesquisa embrionaria sem muita consistencia. Muito suspeita.

A verdade é que existe uma pressão internacional sobre a Amazônia principalmente do Amazonas, que o Governo Federal está embarcado nessa conversa mole e não percebe que esta rodovia é vital para o nosso desenvolvimento. Esse pessoal do INPA a maioria é extrangeira e não conheçe ou esqueçe, as nossas necessidades. A conclusão da BR 319 é fundamental no escoamento da produção da maioria dos municipios Amazonanse e se faz necessario que nos unamos para alavancar a conclusão de tão necessaria obra.

Esta pesquisa parecer com a pesquisa que foi contratada as pressas na gestão passada da Prefeitura Municipal de Manaus que concluía - O igarapé da cachoeira baixa do Tarumã, não está assim tão poluído. Com a palavra os moradores da região
A presidenta eleita deverá honrar suas promessas de campanha e retribuir a generosidade eleitoral do povo Amazonense ao votar quase unanime em suas promessas de jamais esquecer de beneficiar o Amazonas. Este Presidenta é um beneficio que destrava a economia do estado.

Postado e escrito por : Luiz Navarro

Nenhum comentário: