quarta-feira, 12 de outubro de 2011

D. QUIXOTE DE LA MANCHA E SEU ESCUDEIRO. NADA VERDADEIRO.


Existem setores de certos partidos, que para agradar o poder constituído é capaz de lutar contra seus "companheiros" e contra o crescimento partidário. Tudo é farsa.
Existem parlamentares que lembram o D. Quixote a perseguir os moinhos de vento. São verdadeiros inocentes úteis. Espera aí. Inocentes não! Fazem de conta que estão lutando pelo crescimento partidário, para conduzir ao partido as maiores benesses das quais vai participar, é tudo um jogo de toma lá da cá.
São esses parlamentares que fazem o jogo da "Oligarquia" constituída que manda em nosso Estado há muito tempo e é por esse motivo entre outros que o povo não acredita nos atuais políticos. Quanto mais voto tem o parlamentar mais enganador se transforma.
No Governo Municipal passado assisti candidato ao cargo de Prefeito, quase não ter voz para contestar o Prefeito, que também disputava a reeleição. O partido do candidato participava do Governo Municipal esse motivo tirava do oponente, moral para se comportar como um verdadeiro candidato.
O povo só vai perceber quando as "maracutaias já estiverem sido concretizadas.

Escrito e postado por: Luiz Navarro

Nenhum comentário: